Publicado em Deixe um comentário

Cutting ou Bulking – por onde começar? Porque a consultoria é importante?

Não sabe qual abordagem começar? Pode ser difícil decidir por onde começar, especialmente quando há tantas opiniões diferentes por aí. 

Neste artigo, veremos os prós e os contras de ambas as abordagens e forneceremos dicas sobre como determinar seu ponto de partida, definir metas e ajustar sua dieta e plano de exercícios de acordo. 

Ao final deste artigo, você deve entender melhor se deve perder gordura ou ganhar músculos no momento,a fim de atingir a forma corporal desejada.

Prós e Contras de Cutting vs. Bulking.

Benefícios do cutting

O cutting envolve a redução da ingestão de calorias e o aumento da atividade física para perder gordura corporal, resultando em um físico mais magro ou definido.

Essa abordagem pode levar a um melhor desempenho físico, aumento dos níveis de energia, diminuição do risco de lesões devido ao excesso de peso e melhoria da saúde cardiovascular. Além disso, o corte normalmente resulta em uma aparência estética geral melhor.

Benefícios do Bulking.

Bulking é o processo oposto ao cutting; envolve o aumento da ingestão de calorias e o treinamento com pesos com o objetivo de ganhar massa muscular e  potencialmente, um pouco de gordura também, levando a um aumento no tamanho e força gerais. O bulking tem muitos benefícios, incluindo aumento da força, foco mental aprimorado devido ao aumento dos níveis de testosterona, densidade óssea aprimorada, bem como um sistema imunológico mais forte. Mais massa muscular requer mais calorias para manutenção, o que significa que mais nutrientes são consumidos diariamente.

Desvantagens do Cutting.

A principal desvantagem do cutting é que você pode perder massa muscular junto com a gordura se feito incorretamente ou por muito tempo sem tomar as devidas precauções, como garantir o consumo adequado de proteínas ou usar certos suplementos.

Além disso, o corte também pode ser psicologicamente desafiador devido à restrição da ingestão de alimentos, o que pode levar a sentimentos de privação ou infelicidade ao longo do tempo, se não for administrado adequadamente por meio de mudanças no estilo de vida, como a implementação de mecanismos de enfrentamento mais saudáveis ​​para lidar com os gatilhos emocionais da alimentação ou hábitos alimentares de tédio, etc. 

Veja :  Como perder gordura localizada e ganhar músculos ao mesmo tempo? Saiba tudo aqui

Por fim, a rápida perda de peso pode resultar em flacidez da pele, dependendo da sua idade e genética,algo que não pode ser revertido facilmente nem rapidamente uma vez perdido, tornando-o um fator importante a considerar ao decidir qual abordagem é mais adequada para você pessoalmente, e principalmente, feita da forma correta! Para ter definição, é necessário ter musculatura.

Desvantagens do Bulking:

Semelhante ao cutting, é preciso ter muito cuidado ao embarcar em uma jornada de ganhos para não acabar ganhando muita gordura indesejada junto com os ganhos musculares desejados e isso pode acontecer se o excesso calórico for muito alto ou se não houver ênfase suficiente colocados em hábitos alimentares saudáveis. 

Além disso, o bulking requer maior dedicação tanto à dieta quanto ao exercício do que o cutting, porque as calorias extras precisam ser queimadas, caso contrário, elas se transformarão em gordura corporal armazenada ao longo do tempo.

Por qual abordagem iniciar cutting ou bulking?

O primeiro passo para decidir se resume a determinar seu ponto de partida.

Seu ponto de partida será determinado pelo seu peso corporal atual, massa muscular magra e percentual de gordura corporal. Conhecer suas medidas precisas ajudará você a determinar o melhor plano de ação para alcançar o corpo que deseja.

Se você tem um percentual de gordura corporal maior do que o desejado, o cutting provavelmente é a melhor opção, pois envolve reduzir a ingestão calórica e aumentar os níveis de atividade para reduzir os estoques de gordura corporal, mantendo a massa muscular.

Se, por outro lado, você deseja aumentar o tamanho muscular, o bulking é uma escolha melhor, pois requer um aumento na ingestão calórica combinado com treinamento de resistência pesado para estimular o aumento do crescimento muscular.

Determinando seus objetivos.

Depois de determinar seu ponto de partida, a próxima etapa é determinar suas metas para cortar ou aumentar. É importante definir metas realistas que possam ser alcançadas dentro de um prazo razoável para que você não fique desanimado ou sobrecarregado ao longo do caminho. Definir metas de curto prazo pode ajudar a mantê-lo motivado e tornar o progresso mais tangível ao longo do tempo. Ao definir metas, pode ser útil considerar fatores como idade e gênero, pois eles podem afetar a rapidez com que o progresso pode ser feito em comparação com alguém mais jovem ou de sexo diferente com composição biológica e taxas de metabolismo diferentes

Estabelecendo um plano de dieta e exercícios

Para alcançar os resultados desejados ao reduzir ou aumentar o volume, é essencial que uma dieta e um plano de exercícios eficazes sejam implementados para ambos os tipos de objetivos – reduzir calorias para cutting e aumentar calorias para bulking.

Veja :  Quais os benefícios da hipertrofia além da estética ? Como um nutricionista pode te ajudar a ganhar massa muscular?

Uma boa dieta deve incluir muitos alimentos ricos em proteínas, como carnes, peixes, ovos e laticínios,carboidratos saudáveis, como frutas e vegetais,gorduras de abacate e nozes,além de muita água ao longo do dia. 

No que diz respeito ao exercício, o treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT) foi considerado eficaz na queima de gordura e na construção de massa muscular magra quando realizado regularmente 3-4 vezes por semana (30 minutos cada sessão).

 Este tipo de treino consiste em alternar entre períodos de esforço intenso seguidos de períodos de descanso ou atividade leve que mantém a frequência cardíaca elevada, queimando mais calorias durante os treinos em comparação com exercícios aeróbicos de estado estacionário, como corrida, que envolvem manter um ritmo constante durante toda a sessão de treino

Acompanhe seu progresso

Depois que seu plano de dieta e exercícios estiver em vigor, é importante acompanhar o progresso para determinar se as metas estão sendo alcançadas nos prazos esperados ou se ajustes precisam ser feitos. 

Acompanhar o progresso também pode ajudar a manter altos os níveis de motivação, pois é possível observar as mudanças tomando forma ao longo do tempo e ver o quanto elas avançaram desde o início de sua jornada. 

Dicas para começar.

Ajuste sua dieta

É importante ajustar sua dieta de acordo. Uma dieta de cutting deve se concentrar em alimentos de baixa caloria que ainda fornecem macronutrientes essenciais, como proteínas e carboidratos.

Carnes magras, vegetais e gorduras saudáveis ​​devem ser os alimentos básicos de uma dieta de cutting junto com carboidratos complexos como aveia, quinoa e batata-doce. 

Para dietas de bulking, é importante criar um excedente de energia consumindo mais calorias do que o corpo precisa para construir massa muscular e ganhar peso. 

Fontes saudáveis ​​de proteína como peito de frango, ovos, peixe e feijão devem formar a base de uma dieta de bulking junto com grãos integrais como arroz integral e aveia para fontes de carboidratos. 

Também é importante garantir que você esteja recebendo quantidades adequadas de vitaminas e minerais em suas refeições diárias por meio de cereais fortificados, vegetais folhosos como espinafre ou couve, nozes e sementes para gorduras saudáveis, laticínios para cálcio e outros micronutrientes.

Ajuste seu treino.

Depois de estabelecer o tipo de objetivo que você está tentando alcançar  você precisará ajustar seu treino de acordo com seu novo plano alimentar. Ao reduzir o percentual de gordura corporal, é importante focar principalmente na musculação e incluir exercícios aeróbicos, como corrida, ciclismo, natação, etc., que podem ajudar a queimar mais calorias mais rapidamente.

Veja :  Mais alegria para seu dia com óleo essencial de tangerina

Os treinos de bulking devem se concentrar em exercícios de treinamento com pesos, com menos repetições, para que os músculos possam ser estimulados o suficiente para o crescimento. 

Quando é a hora de procurar ajuda profissional?

Medindo o progresso

É importante acompanhar seu progresso ao trabalhar em direção a qualquer meta de condicionamento físico, independentemente de ser cutting, bulking ou simplesmente tonificação. O rastreamento envolve o registro de métricas, como medidas de peso, alterações no percentual de gordura corporal ao longo do tempo, circunferência da cintura, etc. pode ser feito em termos de alteração da intensidade/tipo de exercício juntamente com o ajuste da ingestão alimentar/macros, se necessário.

Modifique conforme necessário:

Não há dois corpos respondendo exatamente da mesma forma quando se trata de fazer mudanças físicas, então é crucial entender onde é seu ponto de partida  antes de iniciar um programa adaptado em torno de seus objetivos, ou seja, não copia e dieta e treino do seu amigo.

Alcançar resultados nem sempre é um processo simples, então modificações podem ser feitas ao longo da jornada com base em como o corpo responde, por exemplo, aumentar a ingestão de calorias se não ganhar músculos suficientes ou reduz a ingestão calórica devido aos platôs que ocorrem durante o processo .

Porque ter uma nutricionista?

Ao começar a trabalhar para alcançar o corpo ideal, muitas vezes é necessário buscar conselhos profissionais. Nutricionistas são treinados e certificados especialmente na área de nutrição e podem ajudar os indivíduos a criar um plano de alimentação que seja saudável, nutritivo e que possibilite atingir os seus objetivos. 

Eles podem fornecer informações sobre como melhor combinar macronutrientes e micronutrientes com base na sua bioquímica particular, no seu tipo de atividade física, nos seus hábitos alimentares e nos resultados desejados. Além disso, os nutricionistas podem oferecer conselhos práticos sobre quais alimentos escolher para obter certas vitaminas ou minerais essenciais e quais fontes evitar.

Porque ter um treinador/personal?

Outro profissional importante para considerar contratar é um treinador pessoal. Isso porque os educadores físicos têm experiência em cada tipo de exercício e como encaixar a melhor opção de acordo com o momento atual do cliente.

AGENDE SUA CONSULTA E TENHA MAIS RESULTADOS!

Conseguir o corpo ideal é uma jornada que leva tempo, dedicação e paciência. Se você optar por cortar ou aumentar, é importante saber seu ponto de partida, definir metas realistas e ajustar sua dieta e plano de exercícios de acordo.

Com a abordagem certa, você pode maximizar seus resultados e alcançar o corpo dos seus sonhos.

Ao tentar obter um corpo ideal, é sempre benéfico procurar ajuda profissional de um nutricionista e de um treinador que possa fornecer conselhos personalizados para atingir seus objetivos específicos.

Eles também podem oferecer orientação sobre a melhor forma de modificar ou ajustar qualquer parte do seu planejamento, se necessário.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *