Publicado em Deixe um comentário

Consulta nutricionista imposto de renda

O período de declaração do Imposto de Renda é uma época em que os contribuintes se preocupam em encontrar maneiras legais de reduzir sua carga tributária. O que muitas pessoas não sabem é que as despesas com saúde, incluindo consultas com profissionais de saúde, podem ser dedutíveis. Neste artigo, exploraremos como a consulta com uma nutricionista, como a Dra. Larissa Scharf, pode ser considerada na declaração do Imposto de Renda.

Consulta Nutricionista e Dedutibilidade

Despesas Médicas Dedutíveis

O Imposto de Renda permite que os contribuintes deduzam as despesas médicas da sua base tributável, o que pode resultar em uma redução significativa no valor a pagar. Essas despesas incluem consultas médicas, exames, cirurgias e tratamentos de saúde. No entanto, é importante entender que nem todos os serviços de saúde se enquadram nessa categoria.

Quando a Consulta Nutricionista Pode Ser Dedutível?

A consulta com um nutricionista pode ser dedutível no Imposto de Renda se atender a certos critérios estabelecidos pela Receita Federal. Para que a despesa seja considerada dedutível, é necessário que:

  1. O serviço seja prestado por um profissional legalmente habilitado, como um nutricionista registrado.
  2. A consulta tenha sido realizada com o objetivo de tratamento de uma condição médica específica, prevenção de doenças ou promoção da saúde.
  3. Seja possível comprovar a despesa por meio de documentação, como recibos e comprovantes de pagamento.

É importante ressaltar que a consulta não pode ser deduzida se for realizada apenas com o objetivo de melhoria estética, como perda de peso por motivos estéticos.

Como Declarar a Consulta Nutricionista no Imposto de Renda?

Para declarar a consulta com um nutricionista na sua declaração do Imposto de Renda, siga os seguintes passos:

  1. Guarde todos os recibos e comprovantes de pagamento relacionados à consulta.
  2. Acesse o programa de declaração do Imposto de Renda.
  3. Na ficha “Pagamentos Efetuados”, insira as informações da consulta, incluindo o nome e registro profissional do nutricionista, o valor pago e a data da consulta.

Lembrando que é fundamental manter a documentação comprobatória arquivada por pelo menos cinco anos, pois a Receita Federal pode solicitar verificações.